O que é a gengivite?

Trata-se de uma fase inicial da doença das gengivas que é comum em todo o mundo. A Organização Mundial de Saúde estima que 1 em 4 adultos apresenta alguma forma de infeção bacteriana, com cerca de 15% a 20% a desenvolver a versão grave da doença.

Desde inchaço à retração gengival, se notar alterações na boca e não tiver a certeza do que está a acontecer, informe-se sobre os sinais de alerta da doença das gengivas para verificar se o que está a sentir poderão ser sintomas desta infeção bacteriana.

Causas da gengivite

Alguns hábitos são amplamente conhecidos por conduzir a doenças da gengiva (por exemplo, não escovar os dentes, não usar fio dental e elixir), mas há também causas menos conhecidas e surpreendentes de infeção bacteriana na sua boca.

O que é esta película pegajosa nas minhas gengivas?

Uma camada fina de bactérias, conhecida como «biofilme», pode agarrar-se praticamente a qualquer superfície. Por isso, ao acordar sente como se as suas gengivas e os seus dentes estivessem cobertos de baba. A presença do biofilme é normal e acontece a todos, mesmo se escova os dentes, usa fio dental ou bochecha com um elixir oral. No entanto, se não elimina o biofilme diariamente, é possível que se acumule e transforme em placa dentária.

A placa dentária, que pode provocar a doença das gengivas é composta por algumas bactérias nocivas (do tipo que cresce no açúcar que fica nas gengivas e nos dentes, e se transforma em ácido que deteriora os dentes) e algumas bactérias inofensivas (do tipo que faz com que o biofilme normal seja menos tentador para as bactérias sedentas de ácido).

Uma pessoa com um cuidado dentário extremamente minucioso, que escova os dentes, usa fio dental e bochecha diariamente, pode controlar e reduzir o tamanho do biofilme e, eventualmente, conseguir que esteja mais saudável ao aumentar a quantidade de bactérias inofensivas que este contém. No entanto, se limpa e bochecha as suas gengivas e dentes com menor frequência, o biofilme (que em geral tem uma cor amarelo-pálido) pode endurecer, formando o tártaro, e aumentar a sua espessura, o que apenas o dentista pode eliminar com ferramentas profissionais. Siga a sua rotina do elixir para manter o biofilme no estado mais saudável possível.

Todos os elixires tratam a gengivite?

Verifique sempre os ingredientes no frasco do elixir e procure ingredientes contra germes que ajudam a prevenir a doença das gengivas, como o elixir LISTERINE® (que tem eucaliptol, mentol, salicilato de metilo e timol, quatro óleos essenciais que estão clinicamente comprovados na eliminação dos germes que causam a doença das gengivas). Utilizar um elixir regularmente irá combater as bactérias que se podem agarrar às suas gengivas e formar placa bacteriana. Quando a placa bacteriana não é atacada, pode endurecer e forma o tártaro. Alguns elixires também contêm flúor, que ajuda a proteger os dentes contra cáries.