Porque é importante cuidar das gengivas?

As gengivas envolvem os dentes e constituem uma parte vulnerável da boca. Devem manter-se cuidadas e saudáveis, para prevenir a sua inflamação que pode levar a possíveis doenças periodontais.

Se as bactérias e a placa não são controladas podem causar inflamação das gengivas (gengivite). A gengivite pode agravar-se a periodontite que pode afetar o osso que envolve e sustém os dentes.

Na LISTERINE®, queremos que mantenha uma boca saudável em todos os momentos. Por isso, pretendemos dar-lhe toda a informação necessária para que conheça o estado das suas gengivas.

Porque é que as minhas gengivas sangram?

À medida que envelhecemos, é cada vez mais frequente ver uma gota ou duas de sangue no lavatório depois da escovagem ou de usar um fio dental; é tão frequente que muitos de nós nos convencemos de que não é importante. No entanto, o facto de ocorrer uma hemorragia nas gengivas não é normal nem saudável, mesmo durante uma limpeza realizada pelo dentista. Trata-se de um sinal de gengivite (doença das gengivas precoce), provavelmente acompanhado de outros alertas vermelhos que em geral são descurados, como gengivas inflamadas, avermelhadas e irritadas.

Milhões de adultos sofrem de alguma forma de doença das gengivas, contudo, apenas uma parte deles percebe-o porque a dor das gengivas não é um sintoma que apareça nas etapas iniciais. A boa notícia: a doença das gengivas em estado inicial é reversível se forem adotados melhores cuidados orais diários e forem efetuadas consultas ao dentista com mais frequência para eliminar a placa bacteriana e o tártaro com ferramentas profissionais. Mas se for ignorada, o sangue no lavatório pode aumentar e converter-se numa doença grave das gengivas, a periodontite, que atua nas gengivas, corrói o osso do maxilar e é a principal razão pela qual os dentes caem. Se detetar pequenas gotas de sangue, não espere pelo dia seguinte para começar a melhorar a sua rotina de escovagem, uso de fio dental e elixir.

Porque é que tenho retração gengival?

Reconheceu um dos sinais mais reveladores da doença das gengivas em estado intermédio. Não o ignore. Se notar que as gengivas e os ossos sobressaem dos dentes e que a parte inferior dos dentes fica mais visível, as suas gengivas estão a recuar. Em geral, este processo chama-se «retração gengival» e, quando isto acontece, as raízes dos dentes ficam expostas a bactérias nocivas e a sua boca fica sensível a uma grande variedade de problemas de saúde. Se também notar que as gengivas estão avermelhadas e inflamadas e sangram ao escová-las, pode dever-se a doença das gengivas. Se não for tratada, a retração gengival pode ter consequências graves e irreversíveis, como a perda da dentina, que é o tecido ósseo duro e denso que constitui a massa de um dente e se encontra debaixo do esmalte e mantém os dentes no seu lugar. Além disso, as raízes expostas podem tornar-se mais sensíveis, doer ou infetar.